Teorias da Conspiração & Música - Pt. 1

Posted by TRMB | Posted in | Posted on 10:05


Conspirar. V.t.d. 1. Maquinar, tramar. T.i. 2. Entrar em conspiração, em concluío; tramar uma conspiração; maquinar, ex: conspiravam contra seu rei. 3. concorrer, tender (para certo fim) 4. Projetar em comum coisa contrária ao interesse de outrem. 5. Tramar ou maquinar contra o interesse público - Dicionário Aurélio.

Este texto foi escrito baseado no texto publicado por Carlos DalRovere nas edições #68 e #69 da Revista Roadie Crew, em setembro e outubro de 2004, respectivamente.

Certamente, em algum momento, já passou pela sua cabeça de que tudo não passa de uma conspiração de alguém. Alguém joga os dados e todo o universo segue o fluxo achando que controla o próprio destino. Religiosos, com outras palavras, chamam isso de Deus (ou qualquer um dos cem outros nomes existentes nas duzentas religiões que existem).

Mas há aqueles que acreditam que, aqui mesmo na terra, existem - ou existiram - sociedades secretas que controlam o resto do mundo. Na política, por exemplo, muito se fala na Maçonaria, que é vista com um grande olhar de ponto de interrogação por quem só "ouve falar". Ainda sobre isso, é muito ligado a soberania mundial dos Estados Unidos da América com a maçonaria, visto que grandes nomes da história do país faziam parte da ordem Maçon (Benjamin Franklin e Gorge Washington, por exemplo).

A pirâmide do dólar americano tem o cume com o olho da consciência, "o olho que tudo vê", e domina uma base cega. Um símbolo maçônico, assim como as frases que estampam a nota: "nosso projeto será coroado de sucesso no topo", e "nova ordem para os séculos dos séculos" embaixo.



O recente sucesso do livro O Símbolo Perdido, de Dan Brown, que traz uma instigante história envolvendo muita maçonaria e sociedades secretas, também fez o tema entrar na cabeça dos leitores comuns, menos acostumados a este tipo de assunto. O documentário Zeitgeist também foi febre.


Há teorias de conspiração de todos os tipos. Por exemplo, há quem pense que o ataques de 11 de setembro, em Washington, foi obra do próprio governo americano. Ou a clássica de que o homem nunca pisou na lua.

O homem foi ou não para a lua?


Na música, quem não ouviu falar da teoria que Paul McCartney está morto há décadas um dublê perfeito está em seu lugar até hoje; ou na cultura popular, de como a morte do comediante Andy Kaufman não passa de uma pegadinha que o próprio vem fazendo desde sua "morte", devido à sua fama de enganar constantemente o público.



Esse tipo de pensamento ou credo é chamada de "conspirologia", ou a famosa e já citada "teoria de conspiração". É um modo de ver o mundo extremamente paranóico e por muitas vezes distorcido, mas bastante comum.
As teorias da conspiração, hoje, são comuns e quase todos tem alguma - e por vezes nem sabe. E mesmo alguns dos que estão conscientes e que tem essa visão conspiratória, não conhecem as origens de tal pensamento.

Portanto, para os seguidores de qualquer visão conspiracional do mundo, nossa vida é comandada por sociedades secretas dedicadas exclusivamente ao controle total do nosso planeta. Não existem coincidências ou acidentes: tudo é resultado dos planos dos conspiradores. Não existe luta de classes, capitalismo, guerra, apenas desejos e vontades dos conspiradores. Livre-arbítrio, democracia, livre mercado? Apenas ilusões que os conspiradores Mestres Secretos para deixar o mundo iludido.

O mercado de teorias da conspiração no entretenimento também é grande (como o já citado autor de best sellers, Dan Brown), como filmes (Teoria da Conspiração, Matrix, JFK - A pergunta que não quer calar), séries de TV (Arquivo X, O Prisioneiro, Lost) e, claro, na música, especialmente no heavy metal e em qualquer tipo de música progressiva, onde os álbuns conceituais com histórias distópicas ou utópicas ("Operation: Mindcrime" - Queensrÿche, "Tyranny" - Shadow Gallery, "Order of the Illuminati" - Agent Steel, "No World Order" - Gamma Ray, "2112" - Rush) são comuns.



"Nós somos uma revolução secreta trabalhando o tempo todo" - Operation: Mindcrime, Queensrÿche



----> Conspirações

-- Místico-Religiosas


Envolvem seitas, cultos ou irmandades secretas.  Esses grupos seriam os grandes conhecedores dos segredos sobre magia e verdades religiosas que as pessoas "comuns" não poderiam saber, e usariam esses conhecimentos em benefício próprio e/ou dominação do mundo. Rituais secretos são conhecidos nessas conspirações. Nós, meros comuns, só saberíamos verdades parciais para nos mantermos obedientes.

Exemplos: maçonaria, a Fraternidade Rosa-Cruz, os Illuminati, o Priorado de Sião, a Cabala, a Sociedade Tule, os Satanistas, os Cavaleiros Templários, as Testemunhas de Jeová e as próprias Ordens Secretas dentro da Igreja Católica.


"Illuminati, vocês vieram tomar o controle? Vocês podem parar meu coração, mas não podem quebrar meu espíritos. Nós todos seremos livres!" - New World Order, Gamma Ray


-- Políticas

O governo seria controlado por grupos e sociedades secretas com objetivos bem diferentes dos famosos "democracia, liberdade, justiça, igualdade" e etc. Diversos atos seriam feitos em segredo nos mais altos escalões das ordens secretas dentro do governo. Uma teoria comum é a de que todos nós somos constantemente vigiados pelo governo em tudo que fazemos (alguém aí já leu 1984, de George Orwell?).

Exemplos: a Nova Ordem Mundial, Illuminati, Maçonaria, a CIA, a ONU, a Máfia, a Irmandade Skull and Bones, o FMI e o próprio Estados Unidos da América, como país.




"Nós controlamos as emissoras de TV, entretenimento, publicaões. Wall Street é nosso campo de treinamento. A esfera de nosso controle se estende por governos e líderes que irão comprar nossas armas e lutar nossas guerras malígnas, até colocarmos esse mundo maligno de joelhos" - Tyranny, Shadow Gallery


-- Tecno-Científicas

Segredos sobre tecnologia e ciência seriam guardados a sete chaves e usados somente pelas sociedades secretas no plano de dominação global. Máquinas e drogas seriam constantemente usadas para esse domínimo. Mensagens subliminares transmitidas o tempo todo através dos meios de comunicação.

Exemplos: a NOva Ordem Mundial, o Majestic 12, o MK-Ultra, a Área 51, o Projeto Montauk, Discos Voadores, etc.


-- Históricas

Envolvem mitos, lendas e povos do passado. Esses teorias dizem que tudo que sabemos sobre o passado e nossa história, nada mais é do que uma farsa criada propositalmente pelos mestres secretos. Civlizações já teriam existido sem nosso conhecimento e muitas delas ainda estariam ativas, no controle do planeta. Reinos, potências, donos de segredos místicos e supercientíficos se esconderiam em lugares como o "centro oco" da terra, ou sob o gelo dos polos, ou sob as águas dos oceanos.

Exemplos: a Atlântida, Lemúria, Agartha, Shamballa, os Superiores Desconhecidos, etc.

É interessante notar que, assim como nas religiões tradicionais, o crente de uma conspiração secreta não acredita e desdenha da outra, mesmo que uma mesma sociedade pode ter vínculo com diferentes teorias, como vimos acima. Sendo assim, raramente encontraremos crentes de mais de uma teoria da conspiração.

Leituras recomendadas (por Carlos DalRovere):

"As Sociedades Secretas" - Gian Vannoni

"O Despertar dos Mágicos" - Louis Bergier e Jaques Povell
"O Assassinato dos Magos" - Peter Partner
"Conspirações - Tudo Que Não Querem Que Você Saiba" - Edson Aran
"Seitas Secretas" - Coleção Mistérios do Desconhecido


Alguns temas conceituais foram desenvolvidas na música,  inspiradas por histórias de Sociedades Secretas, tais como:

"2112", Rush
"Operation: Mindcrime", Queensrÿche
"Tyranny", Shadow Gallery
"Order of the Illuminati", Agent Steel 
"No World Order", Gamma Ray

Na parte 2 postarei algumas das mais bizarras e conhecidas Teorias da Conspiração com astros da música e do entretenimento.

Comments (0)

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...