Glenn Hughes e a sonzeira do seu California Breed

Posted by Rose Gomes | Posted in , | Posted on 10:05


Taí um álbum que eu não paro de ouvir! E não é pra menos, estava ansiosíssima por ele. Desde que Glenn Hughes (nome que dispensa apresentações), revelou que estava preparando um novo projeto com Jason Bonham (seu ex- colega do Black Country Communion) e um jovem multi-instrumentista chamado Andrew Watt, eu contava os dias pra ouvir este novo trabalho na certeza de que não me decepcionaria. E eu estava certa.


O disco autointitulado dos caras é bom do começo ao fim. São 12 faixas que fogem do trabalho anterior dos músicos no BCC e traz em sua essência o peso voltado a um rock bem mais cruzão, com toques de psicodelia, o que se pode notar com clareza nos riffs ásperos e batera seca.


Todas as músicas deste álbum merecem destaque, em especial The Way, que abre o disco com ares setentistas e instrumental led Zeppeliano; Sweet Tea, que evidencia além do vocal rasgado e intenso do baixista Glenn Hughes, a batera seca de Bonhan e os riffs precisos de Watt; Midnight Oil; mais uma vez um belo trampo na batera e guitarra e a balada incrivelmente bela All Falls Down (como canta o Glenn Hughes!).



Não posso deixar de citar a “alternativa” Spit You Out, que talvez seja a faixa que mais se diferencie do restante do álbum e traz Andrew Watt à frente dos vocais e Breathe com batida calma que traz a presença de Julian Lennon fazendo os backings. Mais do que recomendado este disco marca presença desde já na minha lista de melhores de 2014.

9,0



Tracklist

1.     "The Way" 
2.     "Sweet Tea"      
3.     "Chemical Rain"         
4.     "Midnight Oil"    
5.     "All Falls Down" 
6.     "The Grey"        
7.     "Days They Come"     
8.     "Spit You Out"   
9.     "Strong"   
10.    "Invisible"         
11.    "Scars"     
12.    "Breathe"


Line up

Andrew Watt – guitarra, vocal
Jason Bonham – batera
Glenn Hughes – vocal e baixo



Comments (0)

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...