Banda boa de um disco só: Pulse

Posted by Rose Gomes | Posted in | Posted on 09:53



Você conhece o Pulse?

Nãnaninanão, não estou falando do álbum do Pink Floyd (muito bom por sinal) lançado em 1995 e sim, de uma banda sessentista que fazia um som de qualidade, misturando a psicodelia da época a um blues-rock cativante, com pitadas de hard pesado.

De origem americana, a banda composta por Carl Augusto (vocais), Rich Bednarczyk (órgão), Peter Neri (guitarra), Bennet (Beau), Segal (batera), Tommy Violante (guitarra), Paul Rosano (baixo) e Jeff Fuller (harmônica), inicialmente se chamava The Pulse of Burritt Bradley, resultado da fusão entre os grupos The Bram Rigg Set e The Shags e pouco tempo depois adotou apenas o nome de Pulse.


Autointitulado, o primeiro e derradeiro álbum data do ano de 1969 e traz nove faixas das quais destaco Too Much Lovin’ (blues bem poderoso com riffs fortes), Another Woman e Lo-Down (que remetem e muito ao power-trio Cream), Hypnotized (um dos sons que melhor representa a bela junção do blues com o psicodélico), além das sensacionais She’s Killin’ Me e My Old Boy.





Solos fortes, muita gaita, belas viradas na batera e um vocal intenso fazem deste um dos discos mais sedutores dos anos 60.

01.Too Much Lovin’
02. Another Woman
03. Hypnotized
04. Thanks For Thinking Of Me
05. Lo-Down
06. She’s Killin’ Me
07. Garden Of Love
08. Amassilation
09. My Old Boy

Comments (0)

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...